De pai para filhos: gerações da Mauá! | Dia dos Pais 2019

Domingo, 11 de agosto, é dia de celebrar a existência e o legado de nossos pais!

Seja seu pai de sangue ou de coração, saiba que com muito amor ele trabalhou/trabalha arduamente para transformar você em um homem ou mulher apto(a) a enfrentar quaisquer desafios.

Prestes a completar 58 anos, a Mauá traz em seu DNA milhares de histórias de alunos que apostaram em nossa instituição para construírem suas carreiras. Mais do que profissionais renomados, a Mauá desenvolveu mentes inovadoras e apaixonadas pela instituição, fruto esse do trabalho e dedicação de toda a comunidade Mauá, da infraestrutura de ponta, entre outros aspectos que conquistaram os seus corações e reafirmaram, dia após dia, as suas escolhas. E em muitos casos, essa paixão foi repassada às gerações!

Hoje, o BLOG da Mauá traz 2 histórias de pais que puderam, anos após a formatura, sentirem a emoção de ter os seus filhos e até netos seguindo os seus passos na Mauá, na carreira e na vida!

FAMÍLIA GRAZIANO

A história da família Graziano com a Mauá teve início em 1968, com o ingresso do aluno Nunziante Graziano Neto (Engenharia Elétrica – turma 7.000).  A escolha se deu porque na época o seu pai, Eng. Paschoal Graziano, recebeu essa indicação de seu amigo e parceiro de profissão, Eng. Rosenberg.

Anos se passaram e o já engenheiro, Sr. Nunziante, teve 2 filhos: Vera Angela Graziano Finoti, e Nunziante Graziano. E a Mauá mais uma vez faria parte de sua vida, como conta sua filha: “Eu (Engenheira Eletricista – turma 32.000) e meu irmão (Engenheiro Eletricista – turma 34.000), quando tínhamos 14 anos, tivemos a oportunidade de fazer um teste vocacional. Para ambos, a Engenharia fazia parte das possíveis carreiras.

No vestibular, prestamos Mauá e passamos. Eu, Vera, mais velha, quando tive contato com o Campus São Caetano pela primeira vez, me encantei com o lugar e tive certeza de minha escolha. O meu irmão teve as mesmas impressões e seguiu o mesmo caminho!

Estudar na Mauá para nós 3 foi realmente demais. Tivemos um ensino de qualidade, professores especializados e criamos relacionamentos que perduram até os dias de hoje, criando uma verdadeira família Mauá.

O fato de sermos engenheiros nos possibilitou grande desenvolvimento profissional e ter o nome Mauá no currículo gera uma imagem muito positiva no mercado. Somos orgulhosos de termos a nossa família de engenheiros formados na Mauá! ”

FAMÍLIA SOLÉ

O Eng. Sergio Solé, formado em Engenharia Mecânica (turma 11.000), pôde ver seu filho, Cesar Solé, seguir seus passos acadêmicos e tornar-se engenheiro de Controle e Automação (turma de 2008), também pela Mauá!

 “Orgulho, Honra, Responsabilidade e Realização são palavras que resumem meus sentimentos de ser e de ter um filho graduado pela Mauá.

Aos meus 8 anos de idade, a Mauá fora fundada, éramos vizinhos no bairro, e aos meus 18 ingressei naquela pequena escola no Parque D. Pedro II, que tinha apenas 6 turmas de Engenheiros formadas, mas já respondia por um forte nome nos mercados de graduação e de trabalho. Na época ela já fazia parte do famoso vestibular MAPOFEI.

Hoje, com mais de 42 anos trabalhando no mercado brasileiro, vejo a projeção da mesma qualidade das pessoas preparadas por nossa escola, nas mais variadas faixas etárias, atuando como mestres e doutores nesse processo de formação, em cargos diretivos em grandes grupos empresariais nos representando em todas as áreas de competência da escola, bem como empresários bem-sucedidos com grande projeção em suas áreas de atuação.”

Cesar complementa: “Eu sinto muito orgulho de ser engenheiro formado pela Mauá, que é a mesma Instituição de Ensino Superior renomada e respeitada onde o meu pai também se formou.

Quando eu era criança, às vezes meu pai me levava à fábrica onde trabalhava, então desde pequeno tive oportunidade de vivenciar o mundo da Engenharia. Com essa vivência e também por ter realizado curso técnico em Eletrotécnica junto com o ensino médio, eu tive a certeza de que a Engenharia seria a profissão da minha vida.

A minha formação na Mauá permitiu trabalhar quase 8 anos com sistemas de automação e proteção de sistemas elétricos de potência, sistema que envolve geração, transmissão e distribuição de energia elétrica, na iniciativa privada. Essa experiência e minha formação permitiu entrar no Programa de Pós-Graduação de Engenharia Elétrica da Escola Politécnica da USP e me tornar atualmente professor no Centro Paula Souza.

Com certeza o que aprendi na Mauá permitiu e continuará me permitindo avançar na minha vida profissional e pessoal.”

Na certeza de que juntos trilhamos um caminho que abre muitas portas, cruza fronteiras e traz inovação à sociedade, para nós é uma honra contribuir e receber a contribuição de tantas mentes inovadoras para disseminar o conhecimento por gerações!

Aos pais da Mauá, do Brasil e do mundo, FELIZ DIA!

#DiadosPais #DePaiParaFilhos #TalPaiTalFilho #Administracao #Design #Engenharia #eusouMaua #vaiMaua #orgulhodeserMaua #ParaSempreMaua

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.