Um novo semestre vem aí e, com ele, muito estudo! 😀

São tantas as disciplinas para estudar e tanto conteúdo a aprender que às vezes é muito difícil registrar tudo, não é mesmo? Aluno ou vestibulando, aproveite o início deste novo ciclo e as 4 dicas que daremos a seguir para guardar todas as informações na sua memória e otimizar os seus estudos.  Sim, isso é possível! 😉

 

1)      Descubra o seu perfil de estudo

Cada um sabe qual dos sentidos o auxilia mais na hora de estudar, seja visual, auditivo, sinestésico, entre outros. Se você percebe que consegue captar mais informações quando ouve um áudio da aula, por exemplo, use esse recurso a seu favor e procure estudar principalmente por meio dele!

 

2)      Crie ciclos para relembrar o conteúdo estudado

Alberto Dell’Isola, Campeão Brasileiro e Latino-Americano de Memória,  considerado o maior nome do País na área de treinamentos de memorização, concentração e hipnose, apresenta em seu livro “Supermemória – você também pode ter uma” uma técnica de memorização por meio de revisões em intervalos determinados de tempo: faça uma revisão de 10 minutos em até 24 horas após a sessão de estudo; faça outra revisão de 5 minutos uma semana após a sessão de estudo. Por fim, complete com uma revisão de 2 a 4 minutos,  30 dias após a sessão de estudos (saiba mais nessa matéria do Guia do Estudante).

 

3)      Simplifique, do seu modo, o que deve memorizar

Você sabe o que é um acrônimo? Trata-se de uma sigla composta pelas letras ou sílabas iniciais de um conjunto de palavras, formando, assim, uma nova palavra. Resuma os assuntos com esse recurso e, dessa forma, o número de palavras que precisam ser memorizadas diminui – mais facilidade para você!

Exemplo: ANVISAAgência Nacional de Vigilância Sanitária

 

4)      Cuide bem do seu sono!

Uma noite bem dormida vale ouro!

De acordo com o BLOG PraSaber, “durante o último estágio do sono, chamado de Rapid Eye Movement (Movimento Rápido dos Olhos ou REM), ocorre a conversão da memória de curto prazo em memória de longo prazo. Se houver uma privação prolongada do sono ou sono inadequado (poucas horas, agitado e leve), o indivíduo não conseguirá fixar na memória o que aprendeu durante o dia. Um estudo da National Sleep Foundation (Fundação Nacional do Sono dos EUA) já demonstrou que indivíduos adultos, entre 18 e 64 anos, precisam de 7 a 9 horas de sono por noite. Dormir 6 horas por noite ainda é aceitável; 5 horas ou menos não é recomendado.”

 

Aproveite essas dicas e dê o máximo de si neste novo semestre! #vaivalerapena 😉

“Aquele que não luta para ter o futuro que quer, deve aceitar o futuro que vier.”

#dicasdeestudos #memoriazacao #estudos #memoria #vestibular #2semestre #vaiMaua

 

ASSUNTOS RELACIONADOS

Quatro dicas para administrar melhor o seu tempo

O vestibular está chegando e meu tempo de estudo, esgotando. E agora?

Bate-papo sobre vestibular | Estudando para a prova

Mitos e verdades sobre Cálculo – 7 dicas infalíveis de estudo

Dicas de estudo | Aluno prepare-se para a P1!

Nenhum comentário para “4 dicas para fixar os estudos na memória”

Quer exibir sua foto? É fácil, basta cadastrar no site Gravatar o e-mail utilizado para fazer os comentários.

Deixe um comentário