Universidad de Valladolid (UVa)

Assim como as professoras Claudia Facca e Cynthia J. Kunigk, o prof.º José Alberto Domingues Rodrigues, da Engenharia Química foi contemplado com a Bolsa Professores Ibero-Americanas Santander Universidades e esteve de 30 de setembro a 11 de outubro deste ano na Universidad de Valladolid (UVa), na Espanha.

“As atividades realizadas nesse estágio-docente constaram do conhecimento da estrutura da universidade, especificamente no curso de Engenharia Química. A abordagem foi com relação ao funcionamento da grade curricular, funcionamento das aulas e a infraestrutura”, explica o Professor José Alberto.

Por meio desse estágio, o Professor ficou sabendo que, nessa Universidade, os diversos cursos de Engenharia encontram-se organizados na “Escuela de Ingenierías Indrustriales”, com duração de quatro anos, dois deles comuns para todos os cursos e dois específicos para cada área. Após a graduação, o aluno pode realizar um curso de pós-graduação, denominado “máster”, com duração de dois anos.

Segundo o professor José Alberto, “essa nova estrutura curricular está em seu quarto ano de funcionamento, ou seja, ainda não existe turma formada, pois o que havia antes era uma estrutura não uniformizada entre os cursos de Engenharia. Tal padronização ocorreu em toda Espanha. Entretanto, cada instituição de ensino superior fez a reestruturação de modo individual, apenas atendendo a alguns critérios mínimos comuns de conteúdo e carga horária em determinadas áreas de conhecimento, os quais foram exigidos de modo obrigatório para que o título de engenheiro fosse padronizado”.

A Universidad de Vallodolid é estatal e assim, os professores têm dedicação exclusiva à Universidade e são funcionários públicos. Os alunos não pagam pelo estudo e podem usufruir de uma residência estudantil, contribuindo apenas com uma anuidade, correspondente a 20% do valor em relação ao do ensino privado.

Além do objetivo de conhecer o que a Universidade tem a oferecer na área de Engenharia, o estágio também teve o intuito de iniciar conversas para um Acordo de Cooperação Internacional entre a Universidad de Valladolid e o Centro Universitário do Instituto Mauá de Tecnologia, o qual permitirá, que os alunos da Mauá realizem parte da graduação na UVa.

Para o Professor José Alberto, “a experiência adquirida neste período foi muito positiva, pois foi possível participar de forma intensa das atividades de rotina referentes ao ensino de Engenharia Química em uma instituição de qualidade e localizada num país com cultura distinta, agregando valores na formação profissional, que serão utilizados para melhorar a atuação docente”.

Nenhum comentário para “Professor da Mauá faz intercâmbio para a Espanha”

Quer exibir sua foto? É fácil, basta cadastrar no site Gravatar o e-mail utilizado para fazer os comentários.

Deixe um comentário