Anualmente, a Associação Brasileira de Engenharia Automotiva (AEA) promove o Prêmio AEA Destaque Novos Engenheiros, reconhecendo alunos de cursos de graduação em Engenharia com destaque durante o período acadêmico, que tenham produzido trabalho de conclusão de curso relacionado à área Automotiva, com avaliações acima da média.

A cerimônia de premiação aconteceu no dia 24 de outubro, durante o VI Simpósio Internacional de Lubrificantes e Aditivos. Os ganhadores receberam inscrição gratuita em três cursos promovidos pela AEA e uma visita à fábrica da Volkswagen, além da publicação do trabalho premiado. Segundo a AEA, esse prêmio tem o objetivo de identificar os novos talentos do setor Automobilístico.

Nessa última edição, o engenheiro Edgar Sanches Moreno, ex-aluno da Mauá, recebeu o Prêmio AEA Destaque Novos Engenheiros, pelo trabalho de conclusão de curso: “Desenvolvimento de um sistema de suspensão e direção aplicado a um veículo Baja SAE”.

Confira a conversa que tivemos com ele sobre essa conquista e o seu período de estudo na Mauá! 😉

Blog da Mauá – Como foi o seu período de estudo na Mauá?

Edgar Moreno – Me lembro do meu período de Mauá com saudades. A graduação foi uma fase muito cansativa, mas muito recompensadora. Entrei na Mauá já com a vontade de cursar Engenharia Mecânica, pois sempre fui apaixonado por carros e máquinas em geral. Acreditava que a Engenharia Mecânica poderia me ajudar a seguir uma carreira em uma dessas áreas.

Blog da Mauá – A Mauá contribuiu para o profissional que você é hoje?

Edgar Moreno – Sempre acreditei que para ter sucesso e destaque em qualquer área você precisa fazer mais que a “média”. A Mauá fornece diversas atividades e recursos para que você fique acima da “média”. Se você se esforçar para ter destaque, tem as ferramentas necessárias para ir além. Foi isso que tentei fazer durante todo o período em que estive na Mauá. Acredito que, com as dificuldades encontradas e superadas nesse período, consegui me tornar um profissional mais seguro e preparado para lidar com as situações difíceis.

Blog da Mauá – Como foi o desenvolvimento do seu projeto apresentado na Eureka?

Edgar Moreno – O meu projeto apresentado com o Leonardo Capocio, Marlon Robson de Oliveira e Rodrigo da Silva Teixeira, foi: “Desenvolvimento de um sistema de suspensão e direção aplicado a um veículo Baja SAE”. Acredito que todo o aprendizado que tive durante os anos de graduação se refletiram no meu trabalho de graduação. Tivemos muitos desafios durante todo o desenvolvimento do trabalho e após conseguir superá-los, tivemos um excelente resultado, com praticamente nota máxima na Banca Examinadora (9,8) e recebendo a premiação de 3º Melhor Trabalho Estudantil no Congresso da SAE 2012. Certamente esses resultados contribuíram para o início da minha carreira profissional como engenheiro. O desenvolvimento desse projeto teve início, por nossa iniciativa, há cerca de um ano e meio antes da Eureka. Com isso, tivemos mais tempo de ir fundo no problema e assim, conseguimos fazer um protótipo inicial e testá-lo. Depois dos testes, conseguimos fazer melhorias que enriqueceram ainda mais o nosso trabalho.

Blog da Mauá – Durante a graduação, você fez estágios, iniciação científica ou participou de atividades extracurriculares? Como essas experiências ajudaram na sua formação?

Edgar Moreno – Durante a minha graduação, tentei aproveitar tudo o que a Mauá tinha a me oferecer. Fiz monitoria na disciplina Geometria Analítica, participei, logo no primeiro ano, da EcoMauá, na qual fiquei por duas edições, por dois anos e meio fiz parte da equipe do Baja Mauá, no qual fui capitão classificando a equipe para a competição internacional em abril de 2010, quando tivemos excelente classificação (7º colocado entre 110 participantes). Ainda tive um breve passagem na equipe do Fórmula SAE, antes de concluir a graduação. Todas essas atividades contribuíram imensamente para o profissional e a pessoa que sou hoje. Aprendi muitas coisas, inclusive coisas que não se aprende numa sala de aula, como lidar com fornecedores, gestão de pessoas, lidar com situações adversas, entre outras. Além disso, você cria laços com as pessoas que estão ao seu lado e hoje posso dizer que fiz bons amigos nesse período. A experiência de ir viajar para os Estados Unidos representar a sua faculdade e seu País, com um projeto que você ajudou a desenvolver, que você passou horas e horas trabalhando, não tem preço! Somente quem participa, e leva a sério, sabe o quanto é gratificante participar de uma atividade como essas.

Blog da Mauá – Depois de formado na Mauá como seguiu sua trajetória profissional?

Edgar Moreno – Após a Mauá eu fui efetivado na empresa em que estava e cerca de quatro meses depois tive a oportunidade de trabalhar como engenheiro na Ford Motor Company na área de Powertrain, onde estou atualmente.

Blog da Mauá – Como foi participar do 2.º Prêmio AEA Destaque Novos Engenheiros? O que esse prêmio significa para a sua carreira?

Edgar Moreno – Foi muito legal receber o prêmio da AEA, pois acredito que isso aconteceu, de certa maneira, para mostrar que todo o meu empenho durante a faculdade valeu a pena. Fiquei muito feliz pelo prêmio.

Blog da Mauá – Se puder, dê algumas dicas para os alunos da Mauá sobre carreira e experiências.

Edgar Moreno – As dicas que eu posso dar para os alunos é que se envolvam em atividades extracurriculares, elas são vistas com bons olhos no mercado de trabalho, pois mostram que você tem iniciativa para fazer algo além do que é exigido de você. Além disso, é extremamente importante que o aluno tenha domínio da língua inglesa, pois essa passa a ser uma exigência cada vez maior nas empresas. Corram atrás dessas coisas sem abrir mão da faculdade e, certamente, terão um futuro promissor.

Nenhum comentário para “Ex-aluno ganha Prêmio AEA Destaque Novos Engenheiros”

Quer exibir sua foto? É fácil, basta cadastrar no site Gravatar o e-mail utilizado para fazer os comentários.

Deixe um comentário