A biblioteca da Mauá, “Eng. Álvaro de Souza Lima”, é muito frequentada por alunos e professores de todos os cursos do Centro Universitário e oferece diversas formas de pesquisa do seu acervo, seja online ou off-line. Atualmente a biblioteca conta com mais de 70 mil livros, 519 periódicos, teses e um extenso acervo virtual.

A maioria do acervo é voltada para temas de Engenharia, Design e Administração, contendo também títulos direcionados para os cursos de pós-graduação. São sempre atendidas as demandas dos alunos e professores, que podem solicitar a compra de um livro por meio da coordenadoria do respectivo curso.

Muitos não sabem, mas entre esses exemplares há algumas preciosidades na nossa biblioteca!

Por exemplo, você sabe qual foi a primeira aquisição em livro da Mauá? E qual é o livro mais antigo? Vale a pena conferir essas curiosidades!

  • Mais antigo – Nouveau traité élémentaire de perspective à l’usage des artistes et des personnes qui s’occupent du dessin, précédé des premières notions de la géometrie élémentaire, de la géometrie descriptive, de l’optique et de la projection des Ombres, de Jean-Baptiste-Antoine Cloquet – do ano de 1823.
  • Primeira aquisição – Tábua de Logaritmos, de Alberto Nunes Serrão.
  • Maior de todos – Atlas das unidades de conservação ambiental do Estado de São Paulo, Governo do Estado de São Paulo. Altura: 41 cm / Largura: 51,5 cm.
  • Menor de todos – Qualidade, ferramenta para uma melhoria contínua, Michael Brassard. Altura: 13,5 cm / Largura: 9 cm.

Além de todo o acervo físico e virtual, a biblioteca “Eng. Álvaro de Souza Lima” conta com cabines para estudo individual, salas para estudo coletivo ou em grupo, três auditórios, salas para vídeos e consultas digitais, um espaço Santander com 30 lugares e espaço para exposições.

Visite nossa biblioteca! Ela está aberta a consultas para toda a comunidade!

O curso de Engenharia de Computação do Instituto Mauá de Tecnologia é oferecido no Campus de São Caetano do Sul atendendo à demanda e aos novos desafios do mercado de Tecnologia da Informação.

A Associação Brasileira das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação (Brasscom) prevê que, em 2014, o Brasil terá apenas 33 mil profissionais nessa área de atuação e precisará de 78 mil.

A Engenharia de Computação visa à formação de profissionais com conhecimentos em Engenharia Elétrica e Eletrônica, Ciência da Computação, Telecomunicações e Gestão da Tecnologia da Informação.

O engenheiro de computação está apto para atuar em diversos segmentos das áreas de Tecnologia da Informação, tais como:

  • desenvolvimento de produtos: integração de hardware e software para aplicações dedicadas, como roteadores, firewalls, consoles de jogos, entre outros;
  • em redes de computadores: suporte, gerenciamento, infraestrutura e segurança da informação;
  • na prestação de serviços e consultoria: desenvolvimento de software para jogos, Internet e dispositivos móveis;
  • em gestão de TI: com análise de negócios em TI, Business Intelligence, soluções de software que permitam conhecer em profundidade as necessidades e o comportamento de clientes, sistemas de pessoas, computação social;
  • novas tecnologias e desafios: redes inteligentes, internet das coisas, sustentabilidade,
  • ensino superior, pesquisa e desenvolvimento.

Além disso, há previsão de que a ascensão dos profissionais nas empresas de TI seja rápida, com a perspectiva de excelentes salários.

Quer saber mais?

Assista ao vídeo em que o prof. Everson Denis, coordenador do curso de Engenharia de Computação da Mauá, conta sobre os diferenciais, as disciplinas e o mercado de trabalho.

Seu sonho é abrir um negócio próprio e está pensando em prestar vestibular neste ano para Administração?

O curso de Administração da Mauá tem uma nova forma de ensinar Administração: uma escola de negócios focada em Empreendedorismo e ensino com base na solução de problemas. O aluno é preparado para potencializar resultados e resolver problemas.

Atualmente, no Brasil, Administração é o curso de graduação que possui o maior número de formandos por ano, mas, apesar da concorrência no mercado de trabalho, os administradores possuem um vasto campo de atuação nas empresas, pois podem atuar em praticamente todas as áreas, porque são os responsáveis pelo gerenciamento dos recursos humanos, materiais e financeiros das organizações.
O Administrador Mauá é um profissional preparado para atuar, sempre como líder, nos mais diversos mercados de trabalho, seja em empresas de serviços, como bancos, corretoras, consultorias, seja no comércio varejista ou atacadista, seja em indústrias em geral, como nos segmentos Automobilístico, Eletroeletrônico, Alimentício, entre outros.

Informações:
Duração do curso: 4 anos
Local: Campus de São Caetano do Sul – Período diurno
Coordenador: Prof. Ricardo Balistiero

Quer saber mais?
Assista ao depoimento do Prof. Ricardo Balistiero, coordenador do curso de Administração da Mauá, e saiba mais sobre o curso, os diferenciais, as disciplinas e o mercado de trabalho. 🙂

Muito se pergunta a respeito das semelhanças entre os cursos de Administração e Engenharia de Produção. Para esclarecê-las, que tal conhecer um pouco mais sobre o curso de Engenharia de Produção da Mauá?

A Engenharia de Produção é a engenharia responsável por estruturar os recursos humanos, financeiros e materiais de uma empresa, com o objetivo principal de aumentar a eficiência e eficácia dos processos produtivos.

A área de conhecimento da Engenharia de Produção envolve uma boa parte da Ciência da Administração, mas o foco é na criação dos sistemas de produção das empresas, enquanto a Administração, por sua vez, tem como foco a gestão dos processos administrativos, organizacionais e do negócio da empresa.

Por atuarem como elo entre os setores técnico e administrativo, o campo de trabalho dos engenheiros de produção ultrapassa os limites da área industrial, podendo abranger o ambiente de produção de serviços em empresas de qualquer segmento.

Mas o processo não termina quando o produto ou serviço é colocado em produção, pois uma das principais funções dos engenheiros de produção é a melhoria desses sistemas, procurando eliminar ineficiências e incorporar novas tecnologias.

Quer saber mais?

Assista ao vídeo em que o Prof. Antonio Cabral apresenta o curso de Engenharia de Produção da Mauá, os diferenciais, as disciplinas e o mercado de trabalho dos profissionais formados nesse curso! 🙂

 

Informações:
Duração do curso:
período diurno 5 anos e período noturno 6 anos
Local: Campus de São Caetano do Sul
Coordenador: Prof. Gilberto Freire