Robôs que aprendem por demonstração

Desenvolver uma programação para robôs exige muito empenho e dedicação, pois são procedimentos complexos que levam um determinado tempo.

Mas, e se os robôs aprendessem sozinhos, analisando o movimento, imitando e repetindo?

Pensando nisso, a equipe de pesquisadores do Max-Planck Institute of Biological Cybernetics, localizado na Alemanha, criaram robôs que aprendem realizar tarefas em pouco tempo, utilizando-se de demonstração, imitação, tentativa e erro.

Os pesquisadores ensinam o básico do procedimento, pegando literalmente nas mãos dos robôs, que aprendem e depois repetem o que foi ensinado, melhorando o desempenho da tarefa com o treino.

Dependendo da tarefa, os robôs podem necessitar de até 100 tentativas até conseguirem acertar o movimento. Mesmo assim, o tempo para ensiná-los é menor que o tempo gasto numa programação tradicional.

Mais uma ideia interessante, não acham?

Fonte: GEEK e Max-Planck Institute of Biological Cybernetics

One Reply to “Robôs que aprendem por demonstração”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.